As filhas do casal, de 4 e 6 anos, estavam no imóvel na hora do crime

Um homem foi preso suspeito de matar a facadas a ex-mulher e a mãe dela, na manhã desta quarta-feira (25), dentro de um apartamento, na Zona Norte de Porto Alegre. O autor do crime confessou o duplo homicídio e disse que assassinou a ex por ciúmes e a outra vítima por tentar impedi-lo.

De acordo com informações do G1, as filhas de 4 e 6 anos do suspeito com Mariane Isbarrola, 30, estavam no imóvel no momento do crime. O casal havia se separado há pouco tempo. A mãe de Mariane, Terezinha de Fátima Pereira da Silva, 56, tentou evitar a tragédia e acabou sendo morta.

“Apesar de ela nunca ter feito registro contra ele, colhemos informações de que ele havia se referido ao crime em uma tentativa de separação, e que tinha ameaçado matá-la, dizendo como faria”, contou ao G1 a delegada Clarissa Demartini. O homem responderá por homicídio qualificado, por motivo fútil, impossibilidade de defesa das vítimas e feminicídio.